Pérolas » Blog Arrais Joalheria
Loading...

Pérolas

Origem:

As pérolas vem das ostras, ela são produzidas graças a uma reação natural do molusco contra invasores externos.

Também conhecida como “Rainha das gemas”, a pérola é a pedra preciosa conhecida mais conhecida e já foi tida como a joia mais cara e cobiçada do mundo devido à raridade com que ela se encontra. Para cada 1 milhão de ostras, apenas uma delas produz uma pérola natural.

Já não é de hoje que as pérolas simbolizam a beleza. São consideradas clássicas e ao mesmo tempo contemporâneas. 

 

Conheça alguns tipos de pérolas:

 

South Sea:

cultivadas no Taiti, Austrália e Filipinas, vêm de ostras grandes, por isso muitas vezes estas pérolas são grandes. Variam entre 8 mm e 20 mm diâmetro. São as maiores e mais raras pérolas. Isso acontece porque a ostra que produz as belas pérolas South Sea, a Pinctada Maxima, vive somente em uma pequena área do oceano conhecido como South Sea. Essa área privilegiada, localizada entre os oceanos Índico e Pacífico

 

Pérolas do Tahiti:  

 Redondas, podem variar de 8 a 14 mm de diâmetro, podendo atingir tamanhos maiores. O que chama a atenção nas pérolas do Tahiti são as cores. Sempre em tons escuros, como verde escuro, azul petróleo, cinza grafite ou roxo.

.

 

Pérolas Akoya:

Estas são as mais tradicionais das pérolas. Redondinhas e pequenas, com até 7 mm de diâmetro. São de água salgada geralmente cultivadas no Japão, mas também podem ser encontradas em mares da Coréia, da China e do Sri Lanka. A maioria delas é branca, mas você pode encontrá-las em outros tons e cores como: douradas, azuladas, acinzentadas, e até rosadas.

 

Pérolas de Água Doce:

Produzida por um molusco especial, no Japão, mais especificamente no lado de Biwa.

Tanto por sua qualidade quanto por sua beleza, é considerada a melhor pérola de água doce do mundo. 

 

Pérolas Arroz e Freshwater:

Também conhecida como Keshi, são pérolas miúdas, podendo ser redondas ou compridinhas, parecendo um grão de arroz. É mais comum na China, e é cultivada em rios e lagos. Essas pérolas são usadas para montar colares de 30 ou 40 fios torcidos, que era uma moda nos anos 80.

 

 

Pérolas Barrocas:

Sem forma definida, ou seja, são as pérolas que durante o cultivo não saíram conforme o esperado e não atingem 75% de esfericidade. Podem ser de todas as cores, de água doce ou salgada e de diversos tamanho.